Marx Beltr├úo: 'Transporte no pa├şs poder├í ser inviabilizado pelo pre├žo exorbitante dos combust├şveis'

Por Redação em 02/03/2021 às 15:16:16
Reprodução

Reprodução

A Petrobras anunciou mais um aumento no pre├žo da gasolina e do diesel. O reajuste j├í é v├ílido a partir desta ter├ža-feira (02). A gasolina teve reajuste de R$ 0,12 no pre├žo médio do combustível na venda das refinarias para as distribuidoras, que passou a ser de R$ 2,60 - alta de 4,8%. J├í o diesel teve aumento de R$ 0,13 no valor do litro, chegando à média de R$ 2,71, um acréscimo de 5%. Esse é o quinto reajuste no pre├žo da gasolina e o quarto no valor do diesel feitos pela Petrobras em 2021.


O deputado federal Marx Beltr├úo (02) reagiu nesta ter├ža-feira ao novo aumento e criticou a quinta e quarta eleva├ž├úo no pre├žo dos combustíveis somente neste ano de 2021. Em dezembro, antes dessas eleva├ž├Áes, a gasolina custava em média R$ 1,84 nas refinarias e o diesel, R$ 2,02. A alta acumulada da gasolina desde o início deste ano chega agora a 41,3%. J├í o diesel teve aumento total de 34,16% na soma das quatro varia├ž├Áes de pre├žo anunciadas pela estatal.


"J├í protocolei ofício ao ministro Paulo Guedes , pedindo a├ž├Áes para que este pre├žo dos combustíveis seja reduzido. O presidente Bolsonaro j├í induziu certa desonera├ž├úo no setor, com intuito de que o consumidor sinta algum alívio. Mas é necess├írio fazer mais. Os motoristas, os taxistas, os motoristas por aplicativo, os mototaxistas, o pessoal do motofrete, os caminhoneiros, ninguém ag├╝enta mais. Da forma que vai, o transporte no país poder├í ser inviabilizado pelo pre├žo exorbitante dos combustíveis no Brasil", disse Marx Beltr├úo.


Em cidades como Maceió, os constantes aumentos dos combustíveis j├í resultam em pre├žos acima de R$ 5 pelo litro da gasolina nos postos. A nota da Petrobras também cita um reajuste no g├ís de cozinha: ser├í uma alta de R$ 0,13 por quilo, chegando ao novo valor final de R$ 3,05 por quilo (ou de R$ 39,69 pelo botij├úo de 13 quilos).


Na segunda-feira (01) entrou em vigor a suspens├úo de impostos federais por dois meses sobre o pre├žo do óleo diesel. A medida j├í era uma estratégia do governo federal para tentar amenizar o impacto dos constantes reajustes. A nova alta, no entanto, pode anular o reflexo do corte de tributos no pre├žo final do principal combustível usado no setor de transportes.

*Reda├ž├úo TV Alagoas com Assessoria

Comunicar erro
maple 1

Comentários

META