BannerAseguir3

Acusado de matar a mulher e tentar forjar suicídio, marido é julgado em Curitiba

O crime aconteceu em 23 de julho de 2018. Na ocasião, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) informou que Adriana foi encontrada em sua [...]

Por Rodrigo Sampaio em 07/02/2020 às 13:14:04

O crime aconteceu em 23 de julho de 2018. Na ocasião, a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) informou que Adriana foi encontrada em sua residência em situação que apontava para um suicídio por enforcamento, pois estava com um objeto semelhante a uma alça de bolsa enrolada no pescoço. Porém, alguns indícios apontaram para o crime de homicídio, já que a vítima apresentava ferimentos grandes na cabeça e marcas que não eram compatíveis com suicídio por enforcamento, confirmado através de laudo pericial.

Durante as investigações, várias testemunhas foram ouvidas, bem como foi analisado o celular de algumas delas, em que foi possível constatar que, na manhã do dia do crime, o casal havia tido uma briga por razão de uma suposta traição por parte da vítima.

O suspeito está preso e acompanha o júri no Centro Cívico.

Fonte: Banda B

ZPTRAN AutoEscola

Comentários