Pref arapiraca - AQ. DE ALIMENTOS - 863
p.contas GOV
Detran 20-27.10
sebrae 728x90
arapiraca nov e dez
Gov fev - TEM,TEM,TEM 1 - Nov A.

Procuradores-chefes das unidades tomam posse em Brasília

Roberta Bomfim foi reconduzida para a chefia da Procuradoria da República em Alagoas

Por Redação em 28/11/2023 às 09:21:27
Reprodução

Reprodução

Trinta e três membros do Ministério Público Federal (MPF) tomaram posse nesta segunda-feira (27) como procuradores-chefes de suas respectivas unidades para o biênio 2023/2025. Eles foram nomeados pela Portaria PGR/MPF 996, de 24 de novembro de 2023, com vigência a partir de 1º de dezembro.

Pela Procuradoria da República em Alagoas, a procuradora da República Bomfim foi reconduzida para mais um biênio, ao lado da procuradora da República Raquel Teixeira, como procuradora-chefe substituta, e do procurador da República Carlos Eduardo Raddatz, 2º substituto. Os três mantêm os cargos de chefia e acumulam com seus ofícios, sendo Roberta Bomfim titular do 7º Ofício de Tutela do Cidadão e, Raquel Teixeira titular do 1º Ofício e Carlos Raddatz titular do 3º ofício, ambos membros do Núcleo Criminal e Combate à Corrupção, com atuação em todo o Estado de Alagoas.

foto da procuradora em campoRoberta Bomfim é formada pela Universidade Federal de Alagoas, no ano de 2003. Ingressou no MPF em dezembro de 2008, aprovada no 24º concurso para Procurador da República. Sua primeira lotação foi no município de Petrolina (PE), entre dezembro de 2008 e abril de 2009, seguindo para Caruaru (PE), entre abril de 2009 e agosto de 2012.

Desde então é titular do 7º Ofício da Procuradoria da República em Alagoas, compondo o núcleo de tutela do cidadão, tendo exercido a função de procuradora Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC); representante da 1ª Câmara de Coordenação e Revisão; representante do MPF no Comitê Estadual de Saúde do Estado de Alagoas, além de ter integrado o Grupo de Controle Externo da Atividade Policial. Já atuou como representante da instituição no Conselho Estadual de Direitos Humanos de Alagoas e como substituta no Comitê Estadual para a Prevenção e Combate à Tortura do Estado de Alagoas.

Desde fevereiro de 2019 compõe a força-tarefa do MPF que acompanha o Caso Pinheiro/Braskem e integrou entre março de 2020 e início de 2023 o grupo de trabalho do MPF que atuou no enfrentamento à Covid-19 em Alagoas.

Roberta BomfimBrasília – A cerimônia de posse foi realizada na Procuradoria-Geral da República, com transmissão pelo Canal MPF no YouTube, e presidida pela procuradora-geral da República, Elizeta Ramos. Durante a solenidade, a PGR destacou que a nomeação e posse dos novos procuradores-chefes cumpre a legislação e as normas internas do MPF, em especial, por tratar-se de questão de gestão administrativa das unidades. Ela lembrou que "aos procuradores-chefes cabe um papel de interlocução com a Procuradoria-Geral da República, estabelecendo ponte entre as demandas locais e a coordenação em Brasília e preservando a independência funcional de seus membros no tocante à atuação finalística".

A secretária-geral do MPF, Eliana Torelly, lembrou dos colegas que completaram o último biênio e não seguem no mandato. "Foram dois anos de muito trabalho e enormes desafios que enfrentamos. Terminamos com a sensação de dever cumprido e tivemos um grupo de muita interação, amizade e colaboração", relatou.

Ela destacou a importância desta colaboração entre PGR e unidades para que o MPF possa cumprir sua missão estratégica e colocou a equipe da Secretaria-Geral à disposição: "Que esse grupo que agora inicia tenha o mesmo sucesso que teve o grupo anterior, e que a gente possa trabalhar num clima de bastante cooperação, porque, afinal, muitos de nossos desafios são semelhantes".

Fonte: Ascom MPF

Comunicar erro
banner tvsampaio 728x90 - local 6
CAMPOS
CESMAC 50 - NOV2023
SESI novo 2024

Comentários

banner TAVARES - 728X90 - 2
banner tv sampaio - local 3