sebrae 728x90
arapiraca nov e dez
Gov. TEM,TEM,TEM - abril

Hospital de Emergência do Agreste vai contar com ambulatório de pré-natal para gestantes de alto risco

Por Redação em 04/04/2024 às 08:54:25
Reprodução

Reprodução

O futuro de várias famílias do interior de Alagoas é definido no presente. Em reunião realizada no auditório do Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, foi discutido o fluxo de trabalho do Ambulatório de Pré-Natal para Gestantes de Alto Risco, que será implantado, até o final deste mês, na maior instituição hospitalar do interior de Alagoas.

Com a abertura do Ambulatório de Pré-Natal para Gestantes de Alto Risco, a direção ressalta que o Hospital de Emergência do Agreste não será porta aberta para receber todas as gestantes. Isso porque, a unidade hospitalar só irá acolher grávidas de alto risco e que forem reguladas por meio de plataforma exclusiva, utilizada pelos profissionais que compõem a II Macrorregião de Saúde de Alagoas, formada por 46 municípios do Agreste, Sertão e Baixo São Francisco.

"O que está ocorrendo aqui é muito importante para as gestantes de alto risco da II Macrorregião de Saúde, uma vez que atualmente elas se deslocam para a I Macrorregião para serem atendidas e terem a garantia do pré-natal. Então, com o serviço estruturado e funcionando com atendimento de qualidade no Hospital de Emergência do Agreste vai ser superimportante para fortalecimento de toda a rede assistencial, para a melhoria de acesso a essas mulheres e redução de indicadores relacionados a complicações decorrentes de partos de alto risco e de mortes maternas", explicou a gerente de saúde da Secria, Luana Brandão.

Ainda de acordo com ela, é preciso frisar que o Ambulatório de Pré-Natal para Gestantes de Alto Risco do Hospital não irá realizar partos, sendo destinado, apenas, às consultas de pré-natal, por meio de acompanhamento ambulatorial. "Todas estas pacientes serão atendidas mediante regulação e, com isso, elas terão dia e horário de atendimento. A Atenção Básica de cada um dos 46 municípios que integram a II Macrorregião de Saúde vai fazer o cadastro para que elas possam vir para cá. Isso significa que o Hospital não será porta aberta para gestantes de alto risco como ocorre no caso do atendimento de trauma, por exemplo", explicou a gerente de saúde da Secria.

Para a coordenadora da Supervisão de Saúde da Mulher da Sesau, Lavínia Silva, a criação do Ambulatório de Pré-Natal para Gestantes de Alto Risco do Hospital de Emergência será possível graças à parceria com a Secria, visando reduzir os indicadores de mortalidade materna e infantil. "Para que a gente tenha mais nascimentos com segurança, evitando a peregrinação dessas pacientes com deslocamento de municípios tão distantes para receber um atendimento na I Macrorregião de Saúde, estamos criando um serviço mais próximo da paciente", reforçou Lavínia Silva.

A diretora-geral do Hospital de Emergência do Agreste, Bárbara Albuquerque, salientou que a articulação da rede de acolhimento é muito importante para garantir que o fluxo de atendimento das gestantes de alto risco ocorra de maneira ordenada. "Com a criação do Ambulatório de Pré-Natal para Gestantes de Alto Risco, a grávida será acolhida, assistida e direcionada para o acompanhamento. É mais um serviço que o Hospital de Emergência do Agreste abraça com a Sesau e com o Cria, trabalhando juntos, buscando oferecer um atendimento especializado para as gestantes de alto risco que residem na II Macrorregião de Saúde", ressaltou Bárbara Albuquerque.

Além de diretores da unidade hospitalar, participaram do encontro representantes da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Secretaria de Estado da Primeira Infância (Secria), Prefeitura de Arapiraca e o Hospital Regional de Arapiraca, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Fonte: Secom Alagoas

Comunicar erro
banner tvsampaio 728x90 - local 6
CAMPOS
Detran 20-27.10
CESMAC 50 - NOV2023
Clinica Sesi 25.03

Comentários

banner TAVARES - 728X90 - 2
banner tv sampaio - local 3
p.contas GOV