sebrae 728x90
Detran 01.07
GOV - faz faz faz

Carnes terão isenção de impostos na Reforma Tributária

Forbes, a mais conceituada revista de negócios e economia do mundo.

Por Redação em 11/07/2024 às 12:09:27

Forbes, a mais conceituada revista de negócios e economia do mundo.

Gilaxia/Getty Images

Qualquer tipo de carne, como a bovina, vai se beneficiar no emprego do IVA

Por 336 votos a favor, 142 contra e duas abstenções, o Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (10), o texto-base do primeiro projeto de lei complementar que regulamenta a reforma tributária sobre o consumo.

Por meio de um destaque, carnes bovina, suína, aves, peixes – que são as principais proteínas animais consumidas no país –, mais queijos e sal foram incluídos na lista de alimentos com isenção. O destaque para isentar essas proteínas foi aprovado por 477 votos a favor, três contra e duas abstenções, após destaque do PL, principal partido de oposição.

Leia também

Trilux/CNA
Forbes Agro

China e Brasil testarão plano de rastreabilidade da carne bovina

Getty Images
Forbes Agro

China busca estabilizar produção de gado em meio à queda dos preços

ForbesAr
Forbes Agro

Argentino cria "Disney de las parrillas" e mira o mundo da carne

Getty Images
Forbes Agro

Brasil eleva exportação de carne de frango em maio

Reuters
Forbes Agro

Abate de bovinos avança 24,6% no 1º tri no Brasil e para novo recorde, diz IBGE

Apesar de articulada pela bancada ruralista e pela indústria de alimentos, a isenção foi acatada pelo relator do projeto de lei, deputado Reginaldo Lopes (PT-MG) e celebrada pela líder do PT na Câmara, deputada Benedita da Silva (RJ). "É o sonho do presidente Lula todo o tempo se colocando de que era muito importante que houvesse proteína na cesta básica das pessoas mais vulneráveis", disse a parlamentar.

Pelo texto enviado pelo governo, as carnes estavam na lista de produtos com alíquota reduzida para 40% da alíquota original, pagando 10,6% em vez de 26,5%. Agora terão alíquota zero.

Antes das carnes e dos queijos, o relator tinha incluído, de última hora, óleo de milho, aveia e farinhas na cesta básica nacional, que não pagará IVA. Ele também incluiu pão de forma e extrato de tomate nos produtos com imposto reduzido.

A versão do texto inseriu uma trava para a alíquota do futuro Imposto sobre Valor Adicionado (IVA), inclui remédios na lista de produtos com imposto reduzido e amplia a cesta básica nacional com imposto zero. O texto será enviado para análise do Senado Federal.

Confira uma reportagem completa sobre as mudanças na Reforma Tributária, preparada pela equipe Money da Forbes Brasil:

(Com Agência Brasil)

Fonte: Forbes Brasil

Comunicar erro
banner tvsampaio 728x90 - local 6
CAMPOS
Detran 20-27.10
CESMAC 2024.2 728x90 l1

Comentários

banner TAVARES - 728X90 - 2
banner tv sampaio - local 3
p.contas GOV