sebrae 728x90
Maio Amerelo Detran
Arapiraca - 17.05-31.05
Gov institucional 22.05 - 31.05

Sete passos para gastar menos dinheiro (sem sofrer)

.

Por Redação em 16/05/2024 às 07:12:38
Getty Images

7 dicas para poupar dinheiro no final do mês

 

Uma vida financeira organizada é essencial para alcançar metas profissionais e pessoais. No entanto, os brasileiros enfrentam dificuldades logo no primeiro passo, que é o de economizar. De acordo com a pesquisa ‘Pulso 2023’, cerca de 61% dos brasileiros não conseguem guardar dinheiro para investimento ou poupança.

  • Siga a Forbes no WhatsApp e receba as principais notícias sobre negócios, carreira, tecnologia e estilo de vida

Portanto, os especialistas consultados pela Forbes oferecem sete dicas que qualquer um pode colocar em prática para aprender a lidar com o seu dinheiro e começar a poupá-lo

#1- Conheça suas despesas
O primeiro ponto de partida é fazer um levantamento de sua situação financeira atual, incluindo receitas, despesas e dívidas, além de compreender os custos fixos e variáveis.
"Sabendo desses números, será mais palpável estabelecer metas claras e realistas, como economizar para uma emergência, pagar dívidas ou investir para o futuro”, diz Fernanda Melo, economista e planejadora financeira da Planeja.

#2- Tenha um objetivo
Para evitar novas despesas, a economista recomenda evitar ambientes que estimulem compras desnecessárias e se descadastrar de e-mails publicitários. Além disso, é necessário ter um objetivo claro. "Economizar apenas pelo dever de economizar, geralmente não desperta o comportamento necessário"’, afirma Melo.

#3- Negocie despesas e dívidas
Reduzir as despesas essenciais, como moradia, alimentação e transporte, é uma tarefa complicada, mas não impossível. Para Fernanda, comparar os preços de serviços como internet e telefone é um bom negócio. "Negociar contratos pode evitar desperdício. Além disso, considere a possibilidade de refinanciar dívidas ou negociar as taxas de juros."

#4- Fuja de prestações
De acordo com Rodrigo Salvador, especialista da HCI Invest, ao optar por realizar pagamentos a prazo, é imprescindível considerar o impacto dos juros ao longo do período de financiamento. Ele recomenda priorizar formas de parcelamento com prazos mais curtos ou sem juros adicionais.
"Com prazos mais curtos, os consumidores têm a oportunidade de reduzir o acúmulo de juros e, consequentemente, diminuir o custo final da compra”, diz Salvador. “Além disso, ao evitar o pagamento de juros, eles conseguem preservar melhor seu poder de compra.”

#5- Não gaste mais do que ganha
Para Salvador, gastar mais do que se ganha, não controlar os gastos e acumular dívidas são os comportamentos mais prejudiciais para a saúde financeira
"O desequilíbrio entre receitas e despesas pode resultar em endividamento excessivo, e até mesmo a necessidade de recorrer a empréstimos para cobrir as despesas correntes."

#6- Tenha reserva de emergência
De acordo com Bernardo Martins, diretor comercial do Grupo Fractal, é importante priorizar a formação de uma reserva de emergência, equivalente a aproximadamente 3 a 6 meses de despesas regulares. "A reserva atua em momentos de imprevistos, como perda de emprego ou despesas médicas inesperadas", afirma Martins.

#7- Coloque limites
Martins acrescenta que uma estratégia eficaz é estabelecer um limite mensal de gastos no planejamento financeiro. Isso evita o descontrole e promove uma consciência financeira mais aguçada. "Estabelecer esse teto não apenas auxilia na manutenção do controle sobre as finanças pessoais, mas também estimula o desenvolvimento de hábitos saudáveis em relação ao orçamento", diz Martins.

Fonte: Forbes Brasil

Comunicar erro
banner tvsampaio 728x90 - local 6
CAMPOS
Detran 20-27.10
CESMAC 2024.2 728x90 l1

Comentários

banner TAVARES - 728X90 - 2
banner tv sampaio - local 3
p.contas GOV