sebrae 728x90
Maio Amerelo Detran
Arapiraca - 17.05-31.05
Gov institucional 22.05 - 31.05

Preços ao consumidor dos EUA sobem menos do que o esperado em abril

.

Por Redação em 15/05/2024 às 11:40:40
REUTERS/Rachel Wisniewski

A inflação acelerou no 1º trimestre em meio à forte demanda doméstica, após ter se moderado durante grande parte do ano passado

Os preços ao consumidor dos Estados Unidos aumentaram menos do que o esperado em abril, sugerindo que a inflação retomou sua tendência de queda no início do segundo trimestre, em um impulso para as expectativas do mercado financeiro de um corte na taxa de juros em setembro.

O índice de preços ao consumidor subiu 0,3% no mês passado, depois de avançar 0,4% em março e fevereiro, informou o Departamento do Trabalho nesta quarta-feira (15). Nos 12 meses até abril, o índice teve alta de 3,4%, de 3,5% em março.

  • Siga a Forbes no WhatsApp e receba as principais notícias sobre negócios, carreira, tecnologia e estilo de vida

Economistas consultados pela Reuters previam alta de 0,4% no mês e de 3,4% no comparativo anual.

O aumento anual dos preços ao consumidor caiu de um pico de 9,1% em junho de 2022, embora o progresso tenha estagnado. A inflação acelerou no primeiro trimestre em meio à forte demanda doméstica, após ter se moderado durante grande parte do ano passado.

A desaceleração do mês passado foi um alívio depois que os dados de terça-feira mostraram um salto nos preços ao produtor em abril.

Economistas afirmam que a inflação está sendo impulsionada por prestadores de serviços como seguro de veículos automotores, moradia e assistência médica, em meio a custos mais altos.

Eles esperam que as pressões inflacionárias diminuam neste trimestre e que os preços se aproximem gradualmente da meta de 2% do Federal Reserve, já que o mercado de trabalho está esfriando.

Esse sentimento é compartilhado pelo chair do Fed, Jerome Powell, que disse na terça-feira: “Espero que a inflação volte a cair (…) mensalmente para níveis mais parecidos com as leituras mais baixas que estávamos tendo no ano passado“.

Os mercados financeiros esperam que o banco central dos EUA comece a reduzir os custos dos empréstimos em setembro.

Alguns economistas preveem que o Fed iniciará seu ciclo de afrouxamento em julho, enquanto outra minoria acredita que um corte nos juros poderá ocorrer em dezembro.

Neste mês, o banco central deixou sua taxa de juros de referência inalterada na faixa atual de 5,25% a 5,50%, onde está desde julho. O Fed aumentou os juros em um total de 525 pontos-base desde março de 2022.

Excluindo os componentes voláteis de alimentos e energia, o índice subiu 0,3% em abril, depois de avançar 0,4% em março. Nos 12 meses até abril, o núcleo aumentou 3,6%. Esse foi o menor avanço anual desde abril de 2021 e seguiu-se a um aumento de 3,8% em março.

Fonte: Forbes Brasil

Comunicar erro
banner tvsampaio 728x90 - local 6
CAMPOS
Detran 20-27.10
CESMAC 2024.2 728x90 l1

Comentários

banner TAVARES - 728X90 - 2
banner tv sampaio - local 3
p.contas GOV