BannerAseguir3

Prefeitura de Maragogi inicia campanha de coleta seletiva de lixo

Por Carlos em 14/02/2020 às 08:44:35
sergio ricardo

sergio ricardo

A Prefeitura de Maragogi lançou no fim da tarde de hoje (13), a campanha de Coleta Seletiva de Lixo do município. Idealizada pelas secretarias de Trabalho, Emprego e Geração Renda e a do Meio Ambiente, a campanha visa a preservação ambiental da nossa cidade, além de trazer melhorias das condições de trabalho e geração de renda para os catadores da nossa região. O evento contou com a participação do prefeito Fernando Sérgio Lira, a primeira-dama e idealizadora do projeto, Márcia Fidélis, o secretário do Meio Ambiente, Gabriel Vasconcelos, o deputado estadual, Léo Loureiro, o secretário de Meio Ambiente do Estado, Fernando Pereira, e as demais secretarias.


No evento, a primeira-dama agradeceu a todos os presentes e ressaltou a importância da reciclagem para o nosso município. "Que vocês olhem cada resíduo com um olhar diferente, pois além de contribuir com o meio ambiente, eles geram renda. Multipliquem esse movimento", disse. O prefeito reforçou seu compromisso com o descarte adequado dos resíduos produzidos em Maragogi e revelou seu desejo de ir além nesse quesito. "Futuramente, vamos construir uma usina para transformar todo o lixo em energia, garantindo, assim, a eliminação correta de todos os resíduos daqui", salientou.


Antes do início da campanha, foi realizado um trabalho de capacitação e conscientização dos catadores do antigo lixão, com o intuito de oferecer uma nova oportunidade e condições dignas para todo o processo de coleta e separação dos materiais. Para a catadora, Cícera Lopes da Silva, esse é um momento único para toda a cooperativa. "Antes, no lixão, o nosso trabalho era de todo jeito, agora vai ser melhor", destacou.


Os catadores poderão gerar renda a partir da comercialização dos recicláveis separados na cooperativa fundada por eles, a UNIRECICLA. Segundo dados da Secretaria de Relações Institucionais, cerca de 16% dos resíduos produzidos em Maragogi, o equivalente a 173,26 toneladas, podem ser reciclados.


Para facilitar o trabalho dos catadores, a prefeitura instalou os Pontos de Coleta Voluntária (PEVs) na Avenida Senador Rui Palmeira, orla do município, além de conscientizar os comerciantes, hotéis e pousadas locais sobre a importância deste trabalho. O serviço também contará com a Coleta Porta a Porta. Conforme a evolução do projeto e a participação da comunidade, os pontos irão ser instalados em outros lugares da cidade. Para encerrar o evento, os catadores fizeram uma coleta inaugural como pontapé inicial do projeto.


ZPTRAN AutoEscola

Comentários